Açores assinalam Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa com Festa da Alcatra

A Região Autónoma dos Açores associa-se à celebração do Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa com a “Festa da Alcatra”, que se realiza-se a 29 de maio na Ilha Terceira, num evento público de provas, e durante 28 de maio e 11 de junho, em 14 restaurantes locais.

A iniciativa, apresentada esta manhã em conferência de imprensa, visa afirmar a gastronomia açoriana, rica de identidade cultural e património indelével, com destaque para o tradicional prato de Alcatra, influenciado por cinco séculos de história, a partir da “placa giratória”, da escala atlântica de quinhentos na ilha Terceira, onde se cruzaram os caminhos do Novo Mundo e a confeção alimentar, no desenho de um novo arquivo do palato.

No último domingo de Maio, dia 29, será, assim, celebrado, pela primeira vez, o Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa, com Prova de Alcatras nos centros urbanos da Praia da Vitória e Angra do Heroísmo, acompanhadas de vinho verdelho dos Biscoitos. O evento, gratuito e aberto ao público, vai, dar a conhecer as Alcatras que estarão disponíveis nos 14 restaurantes aderentes à iniciativa. No dia 29, além das provas, serão, ainda, atribuídos diplomas e lançado o selo comemorativo da celebração regional do dia da Gastronomia.  

Entre 28 de maio e 11 de junho, 14 restaurantes irã ter uma ementa especial, com prato de alcatra e sobremesa, pelo preço de 14€. Aderiram à iniciativa os restaurantes A Ilha, As Nossas Ilhas, Cais de Angra, Caneta, Hotel Beira-Mar, Marcelinos, Quinta do Martelo e Rocha, em Angra do Heroísmo e Casa de Pasto Bela Vista, Fonte das Sete Bicas, O Pescador, R3, Sabores do Chef e Tropical Point, na Praia da Vitória. No final do evento serão atribuídas distinções

A iniciativa é promovida pela confraria Gastronómica “Gastrónomos dos Açores”, em parceria com a Câmara do Comércio de Angra do Heroísmo, Municípios da Praia da Vitória e Angra do Heroísmo, confrarias da Alcatra, Vinho Verdelho dos Biscoitos e Cinegética, Escola Profissional da Praia da Vitória e agrupamentos de escuteiros da Ilha Terceira, com apoio do Governo Regional dos Açores.