Terceira Tech Island já gerou mais de 130 empregos qualificados

O projeto Terceira Tech Island, que está a concretizar um hub tecnológico na cidade da Praia da Vitória, conta com 16 empresas instaladas que já geraram mais de 130 empregos qualificados na ilha Terceira.

Entretanto, foi inaugurada mais uma empresa de desenvolvimento nesta área, a ForTrevo, focada na transformação digital, ou seja, na alavancagem de soluções de futuro em aplicações empresariais.

Na cerimónia de inauguração, o Vice-Presidente do Governo Regional, Sérgio Ávila - citado numa nota do gabinete de imprensa do Governo Regional (GaCS) - enfatizou o “crescimento permanente” do Terceira Tech Island, ressalvando existir “uma enorme confiança em que este seja um projeto que vai crescer cada vez mais”.

Segundo referiu, a consolidação das empresas já instaladas e a procura existente por parte de outras dá “a certeza de que aquilo que há dois anos era um sonho de poucas pessoas hoje é já uma grande realidade”.

Realçou ainda o facto de, a partir da Terceira e de um hub tecnológico de “excelência”, se estar a “produzir para o mundo”, a criar “muitos empregos e a atrair muitas empresas”.

De acordo com nota do GaCS, o Vice-Presidente saudou a empresa que agora inicia a atividade pela “aposta que fez” e pela sua qualidade, garantindo a disponibilidade do Governo para “continuar a trabalhar em conjunto, continuar a crescer”.

“Temos ainda muito para crescer, muito para fazer”, frisou.

Autarca faz elogioO presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, presente na cerimónia, enalteceu “o crescimento consistente” do projeto Terceira Tech Island.

“Quero agradecer a toda a equipa da ForTrevo, em particular aos seus responsáveis, por acreditarem no presente e no futuro da Praia da Vitória e por contribuírem para que este novo cluster possa continuar a crescer de forma consistente”, vincou Tibério Dinis na cerimónia onde estiveram também responsáveis pela SDEA (Sociedade de Desenvolvimento Empresarial dos Açores), além de Sérgio Ávila.

Citado em nota de imprensa, Tibério Dinis fez notar que o projeto Terceira Tech Island faz crescer o número de postos de trabalho já criados no concelho, mas está também associado a outras vantagens.

“A fixação destas empresas no nosso centro histórico têm tido outras mais-valias: a recuperação de muito do nosso património edificado e a fixação de muitas pessoas que vêm viver para a Praia da Vitória”, exemplificou o autarca praiense.


Fonte: Açoriano Oriental